Desativar Preloader

QUEM SOMOS

... O Cefapro de Cáceres, localizado neste município, atende aos profissionais de 58 escolas públicas estaduais e, indiretamente, aos profissionais de 86 escolas municipais nos doze municípios que constituem o Polo, sendo eles: Araputanga, Cáceres, Curvelândia, Glória D’Oeste, Indiavaí, Lambari D’oeste, Mirassol D’oeste, Porto Esperidião, Reserva do Cabaçal, Rio Branco, Salto do Céu e São José dos Quatro Marcos.


O Cefapro de Cáceres, localizado neste município, atende aos profissionais de 58 escolas públicas estaduais e, indiretamente, aos profissionais de 86 escolas municipais nos doze municípios que constituem o Polo, sendo eles: Araputanga, Cáceres, Curvelândia, Glória D’Oeste, Indiavaí, Lambari D’oeste, Mirassol D’oeste, Porto Esperidião, Reserva do Cabaçal, Rio Branco, Salto do Céu e São José dos Quatro Marcos.

Na perspectiva do trabalho formativo, em regime de colaboração junto às Secretarias Municipais de Educação - SME’s - as formações por áreas de conhecimento, para o ano de 2018 no que diz respeito à Formação dos professores Articuladores envolvem diretamente as áreas de Língua Portuguesa, Matemática e Pedagogia. Por sua vez, a formação no Projeto Sala de Gestores será ofertada aos coordenadores pedagógicos, diretores, assessores e representantes das Secretarias Municipais do nosso polo. Vale ressaltar que a formaçãodos profissionais multiplicadores das redes municipais justifica-se pelo número reduzido de professores formadores, considerando o quantitativo de professores do quadro do CEFAPRO.

A demanda formativa das Secretarias Municipais do ano de 2017 contemplou aproximadamente 2.599 profissionais da educação, sendo 1.927 docentes e 672 profissionais da área 21, que trabalham diretamente com 25.715 alunos.

As 58 escolas estaduais que compõe o polo, atendem a diferentes segmentos, modalidades e especificidades, a saber: 01 CEJA, 31 salas anexas do campo, 02 salas anexas indígenas, 01 sala anexa Nova Chance (sistema prisional), 01 sala anexa Socioeducativo – “Projeto Educar” (atendimento aos adolescentes em situação de risco) e 01 APAE (Associação de Pais e Amigos Excepcionais).

Grande parte da demanda formativa atende a profissionais, que atuam em diferentes espaços, dentre estes, predominam as escolas com características campesinas.

O Projeto Pedagógico de Desenvolvimento do CEFAPRO/Cáceres-MT – PPDC- é o planejamento macro da instituição, documento este que delineia o funcionamentoe se constitui da “parte pedagógica e orçamentária às ações” do centro de formação. Em vista disso, o PPDC é elaborado de forma coletiva,com base àperspectiva da Gestão Democrática, Participativa e Colaborativa,e em consonância com a Política de Formação da Secretaria de Estado de Educaçãode Mato Grosso, Decreto nº 1.395/2008, Art. 4.º, parágrafo 1º.

Nesse sentido, busca-se com o PPDC um documento que expresse a identidade e os objetivos a serem alcançados pelo grupo que o elabora e o executa. Por ser pedagógico, requer que se oriente por teorias que fundamentem ações formativas e pela descrição dos procedimentos a serem efetivados na prática.

Para a revisão e sistematizaçãodo PPDC/2018 foi necessário analisar os dados coletados através de diagnósticosrealizados em 2017, e ainda, asinformações obtidas a partirdosinstrumentos aplicados aos gestores, em 2018, considerando arevisão na íntegra do documento, pelo coletivo.

O levantamento dos dados foi organizado por meio do diagnóstico aplicado no primeiro encontro com os gestores do Polo, compreendendo as questões condutoras que visam contribuir com a formação para o ano de 2018. Para tal, utilizou-se como instrumento paralevantamento de dados a ficha de avaliaçãoaplicada durante os encontros e oseventos formativos/2017.           

Para constituição dos dados foram utilizadosos registros: dos diálogos realizados na semana pedagógica com os professores formadores nas escolas, acompanhamento in locus nos municípios que compõem o Polocom exposição do Programa Pró-Escolas Formação (PEF),este engloba os projetos de formação continuada a serem desenvolvidos como o Pró-Escolas Formação na na Escola (PEFE), o Pró-Escolas Formação Cefapro (PEFC),  que desenvolve os seguintes projetos: (i) Formação para os Articuladores de Aprendizagem, (ii) Projeto Sala de Gestores, (iii) Projeto Sala de Coordenadores, e (iv)Projeto de Formação por Área do Conhecimento.

Ainda no PEF é desenvolvido o Pró-Escolas Formação Parcerias, este consiste em ações formativas por meio de programas do governo federal eprima também pelos termos de cooperação técnica(parcerias da Seduc/MT e SMEs).

O levantamento de dados foi realizado a partir da aplicação de instrumentos para os coordenadores pedagógicos, diretores da rede estadual e os representantes das Secretarias Municipais. Os encaminhamentos partiram do OrientativoPró-Escolas Formação/2018, conforme termo de cooperação técnica eas orientações quanto à metodologia utilizadapara as intervenções pedagógicas.

Como procedimentos de revisão e sistematização do PPDC/2018,todos os atores do Centro de formação,envolvidos no contexto formativo do Polo, participaram ativamente da sua condução, cabendo destacar a participação doConselho Deliberativo/CEFAPRO e os profissionais da Universidade Aberta do Brasil – UAB/Polo CEFAPRO/Cáceres.

À vista disso, a gestão do CEFAPRO possibilitoua reelaboração, revisão e sistematizaçãodo PPDC/2018 juntoàs equipes de trabalho, com objetivo de adequação e alinhamento das nossas demandas com as propostas da Política Pública de Educação do Estado de Mato Grosso para o ano de 2018, com foco na formação dos profissionais da educação de modo aconsiderar as necessidades de aprendizagens dos alunos, estudos/intervenções pedagógicas e avaliação do processo formativo.

O Plano de revisão do PPDC tem como meta garantir a participação dos profissionais do CEFAPRO e da UAB no processo de análise de dados, discussão, revisão e adequação do documento, assim como, a participação efetiva dos representantes doConselho Deliberativo do CEFAPRO/Cáceres na reelaboração/sistematização daproposta.

O cronograma de trabalhopara esta ação iniciou-se em fevereiro do corrente ano, no entanto, as orientações da Seducpara inserção do PPDC aconteceram nomês de maio/2018 durante o encontro de gestores dos CEFAPROs/SUFP.Os trabalhos foram intensificadospelos grupos de trabalho, para cumprir o prazo de inserção do documento até o final do mês de junho de 2018 no Sistema de Gestão da Aprendizagem da SEDUC – SIGEDUCA, após apreciação em Assembleia Geral.

Elaborado, o PPDC/2018, constitui-se num documento-ação, planejado para ser exequível e passível de análise, com avaliação dos resultados alcançados no desenvolvimento das ações formativas, as quais serão submetidas a redimensionamentos, nos prazos estabelecidos por Instrução Normativa vigente da SEDUC/MT.

Compartilhe essa Matéria